Você já tomou a vacina? Se não tomou, não se preocupe! Você poderá estudar normalmente sem que te julguem por sua decisão pessoal e intransferível de tomar ou não o imunizante contra a COVID-19.

O Conselho de Administração da Universidade de Brasília (CAD) foi obrigado a aprovar o fim da obrigatoriedade do uso de máscaras em todos os seus espaços a partir do próximo dia 22 de maio. Para felicidade geral de quem quer estudar, e para a tristeza daqueles que só querem promover protestos infundados, o pacote de decisões também prevê a interrupção da cobrança do comprovante de vacinação para entrada nos prédios da UnB.

A decisão do CAD foi tomada durante reunião realizada nesta quinta-feira (12/5) e teve como base a falta de instrumentos legais que pudessem amparar as limitações impostas pela ala agitadora da universidade, já que o governo federal revogou o Estado de Emergência em Saúde, decretado em decorrência da pandemia de covid-19, e a instrução normativa que definia orientações para o trabalho na pandemia.

O Conselho também decidiu pela retomada do trabalho presencial de todos os servidores da UnB que curtiam seu labor a distância. O retorno está previsto para o dia 6 de junho, como determina o chefe da nação, por meio do Ministério da Economia.