Em reunião com o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), o colegiado de líderes da casa solicitou um novo adiamento da volta das sessões presenciais. A justificativa? O Departamento Médico da Casa tem recebido entre mais de 20 servidores, diariamente, com suspeitas de covid.

Os deputados também alegaram que o ano já está quase no fim e o presidente deverá seguir a sugestão fixando a volta para 2022. Vitoria para o colegiado de líderes? Acho que não! Me parece uma prorrogação de folga para deputados e servidores.