A CPI da Pandemia ouvirá pelo segundo dia o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello, em uma das oitivas mais aguardadas da comissão. Segundo o Senado Federal, Pazuello passou mal no final da tarde de ontem (19/5) e foi atendido pelo Senador Otto Alencar (PSD-BA), que é médico. O ex-ministro, no entanto, nega a versão e afirma que houve somente uma indisposição, afirmando ter recebido uma orientação médica e não um atendimento efetivo. Suspensa, a sessão continuará hoje. 

Alguns senadores oposicionistas prepararam para este segundo dia de depoimentos alguns pontos tidos como mentiras proferidas pelo ex-ministro durante o primeiro dia. Por outro lado, os senadores governistas vêem a postura do ex-ministro da saúde como firme e preparada, além de embasada na verdade dos fatos.

O depoimento à CPI da Pandemia da secretária de Gestão do Trabalho e Educação no Ministério da Saúde, Mayra Pinheiro, que estava previsto para hoje, mas acabou sendo transferido para a próxima terça-feira (25). A mudança na data ocorreu após o depoimento do ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello ter sido interrompido na quarta-feira e remarcado para hoje por decisão do presidente da comissão, senador Omar Aziz (PSD-AM).