Os manifestantes favoráveis ao presidente Jair Bolsonaro protestaram no ultimo fim de semana envergando alguns símbolos noticiados pela imprensa brasileira como bandeiras que faziam apologia ao nazismo e ao fascismo. Seria verdade? Fomos pesquisar e descobrimos que os canais de comunicação brasileiros de forma "inocente" "confundiram" o brasão de armas ucraniano com bandeiras neo-nazistas. 

A afirmação feita pela imprensa não é verdadeira e o tal combate a Fake News deveria começar dentro das próprias emissoras, pois a embaixada Ucraniana no Brasil divulgou até mesmo uma nota falando esclarecendo a população sobre as bandeiras (tudo por terem usado a bandeira ucraniana junto com bandeira do partido pravy sektor, em uma manifestação Bolsonarista, na avenida paulista)

Entretanto, qual o motivo de tanta confusão?

Simples, trata-se do batalhão da guarda nacional ucraniana Azov, treinado pelos EUA para combater as milicias separatistas russas em Donetsk e Lugansk.

Infelizmente, uma bandeira vermelha e preta ostentada em meio ao protesto de grupos de direita, sao automaticamente ligados aos movimentos nazistas, mesmo com a clara referência dada pelo mar debandeiras amarelo e azul. Certamente, o julgamento precipitado pode ter levado muitos meios de comunicação do Brasil ao erro.

Claro que os jornalistas brasileiros cometeram um equivoco em julgar a bandeira do brasão de armas ucraniano, como uma bandeira nazista. Deve ser pelo simples fato de não conhecer nada sobre história, pois são profissionais puros e comprometidos com a verdade.

Nota da embaixada ucraniana no Brasil, sobre texto da revista veja:
 https://brazil.mfa.gov.ua/pt/news/carta-da-embaixada-da-ucrania-no-brasil-ao-diretor-de-redacao-da-veja?fbclid=IwAR2IPUEZWhpqqQ1SaOQ2hfNrfO4wTcnN_BVN_bcJHe5LT5jtO2B7rkH49aw

U.S. House Passes 3 Amendments By Rep. Conyers To Defense Spending Bill To Protect Civilians From Dangers Of Arming and Training Foreign Forces:
 https://web.archive.org/web/20151117023503/https://conyers.house.gov/media-center/press-releases/us-house-passes-3-amendments-rep-conyers-defense-spending-bill-protect